Planejamento zero com tantas oscilações tributárias

As oscilações de tributação no Brasil é uma constante nos últimos anos. Em 2011, a Contribuição Previdenciária das empresas de Tecnologia da Informação (TI) foi reduzida para 2,5% sobre o faturamento bruto, em 2012 foi reduzida para 2% até 2014, e em 2014, o Regime passou a ter vigência por tempo indeterminado. Em 2015, aumentou para 4,5%, porém com a opção de 20% sobre a folha de pagamentos. Este ano, através da Medida Provisória nº 774/2017 o governo elimina a opcionalidade e torna obrigatório o recolhimento de 20% sobre a folha.

No setor de serviços, em especial o de TI, as despesas de pagamento de pessoal oscilam entre 70% e 80% do total de despesas. O que significa uma tributação de 14% a 16% da sua receita bruta, enquanto na forma vigente a opção de alíquota de 4,5%, embora alta, é mais benéfica para a maioria das empresas. Temos mostrado aos parlamentares o impacto que sofreremos com consequências desastrosas para nosso setor caso vigore esta alteração.

Argumentos que convenceram o relator da MP 774, senador Airton Sandoval (PMDB-SP), a acolher emendas que visam manter o regime atual, o que significa uma vitória provisória, que dependerá das próximas votações e de possíveis vetos, eventualmente propugnados pela Receita Federal. Na realidade esta batalha da reoneração precede a próxima, que será a comentada proposta governamental de unificação dos recolhimentos do PIS/COFINS para o regime não cumulativo, o que representará - dependendo dos percentuais adotados, um aumento real das despesas de pelo menos 5,6% sobre o faturamento.

É impossível para qualquer empresa, independente de seu tamanho, planejar suas atividades com tantas oscilações tributárias. Se concretizados os aumentos desejados pelas autoridades fazendárias, seremos onerados em torno de 20%, o que certamente inviabilizará o setor, já duramente atingido pela crise nacional. Vamos continuar nesta luta, liderada nacionalmente pela Fenainfo, apelando para o bom senso de nossos dirigentes. A Tecnologia da Informação é essencial para a retomada do crescimento econômico, independência nacional e é estratégica para o nosso futuro como País. 

Benito Paret é Presidente do TI RIO – Sindicato das Empresas de Informática 

Site: Convergência Digital
Data: 23/06/2017 
Hora: ------ 
Seção: Opinião 
Autor: Benito Paret 
Link: http://www.convergenciadigital.com.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?UserActiveTemplate=site&infoid=45532&sid=15

Publicado em: 05/07/2017 10:43:31

Facebook Twitter Google Plus LinkedIn Whatsapp

Notícias

Seprosc apoia projeto que aumenta prazo para pagamento de débitos trabalhistas

Seprosc apoia projeto que aumenta prazo para pagamento de débitos trabalhistas

Medida beneficia também os profissionais da área, pois o pagamento parcelado garante que as empresas possam pagar sem risco de quebrar

Convenção Coletiva  Assinada

Convenção Coletiva Assinada

Comunicamos que o SEPROSC e o SINDPD/SC procederam em 14 de setembro de 2020, a assinatura da Convenção Coletiva de Trabalho 2020/2021.

GOVBR completa 26 anos e, mesmo com a pandemia, mantém investimento de R$ 18 milhões para este ano

GOVBR completa 26 anos e, mesmo com a pandemia, mantém investimento de R$ 18 milhões para este ano

Com alta de 9% em relação ao montante investido no ano passado, a GOVBR, maior empresa de tecnologia no segmento de soluções para a gestão pública do Brasil, manteve os R$ 18 milhões previstos para investimentos em diversas áreas da empresa este a

Formação de Talentos Pública Tecnologia está com inscrições abertas

Formação de Talentos Pública Tecnologia está com inscrições abertas

Após o curso, os selecionados atuarão na área de desenvolvimento de software

Ellevo lança plataforma para organização do fluxo de trabalho remoto

Ellevo lança plataforma para organização do fluxo de trabalho remoto

Empresa desenvolveu o Ellevo Next, que facilita o envio de solicitações entre profissionais de diferentes setores, a gestão de tarefas e a organização da rotina empresarial, especialmente no caso de profissionais em diferentes ambientes físicos de t

Posse da Nova Diretoria 2020/2023

Posse da Nova Diretoria 2020/2023

É com grande satisfação que anuncio que fui eleito a presidente do Seprosc. Agradeço a confiança dispensada a mim e as pessoas que compuseram a Chapa Santa Catarina Representada.

Eleições 2020/2023 - SEPROSC

Eleições 2020/2023 - SEPROSC

No dia 24/08/2020 irão acontecer as eleições para Diretoria do SEPROSC, para a gestão 01/09/2020 a 31/08/2023.

Receba as novidades em seu e-mail!



Agenda Seprosc

Agenda Eventos